A importância das vendas para negócios.

Você sabe a importância das vendas para negócios?

Saiba importância das vendas para negócios. Veja sua importância.

Diretamente relacionado com o marketing a administração de vendas é uma das ferramentas mercadológicas com que as empresas buscam no mercado recursos para fazer frente as suas despesas e atingir seus objetivos financeiros. A Associação Americana de Marketing define administração de vendas como um conjunto de funções, planejamento, direção e controle de venda pessoal, incluindo recrutamento, seleção, treinamento, providências de recursos, delegação, determinação de rotas, supervisão, pagamento e motivação, à medida que estas tarefas são aplicadas á força de vendas.
A venda pessoal é a comunicação verbal direta concebida para explicar como bens, serviços ou idéias de uma pessoa ou empresa servem às necessidades de um ou mais clientes potenciais. O processo de comunicação está na essência de uma venda, no entanto o seu papel como “distribuidor” de produtos em diversos momentos não pode ser ignorado.
O vendedor funciona como uma ligação da organização com o seu cliente. Para muitos clientes o vendedor é a organização, por essa razão deve ser dado importância a estruturação da força de vendas, assim como, objetivos e estratégias bem traçadas. Um profissional de vendas trabalha em conjunto com seus clientes, buscando informações dos mesmos, examinando suas necessidades e sugerindo produtos adequados as necessidades detectadas e oferecendo um serviço de pós-venda que renda a satisfação desejada. A importância da força de vendas se dá em qualquer organização, seja ela de grande, médio ou pequeno porte. Os profissionais de vendas constituem a força dinâmica do mundo dos negócios atuais. A eles, podemos atribuir o sucesso de novos produtos, a manutenção dos atuais produtos e a base para surgimento de novas tendências com base em informações extraídas dos clientes finais.
Os autores (STANTON; SPIRO, 2000) indicam a importância das vendas para três grupos, economia, uma organização individual e para o estudante.
– Economia: Nos últimos anos após os períodos da 2ª Guerra Mundial e o período pós-guerra, houve um aumento significativo do número de compradores, isso se deu por conta do número elevado de produtos que ultrapassava em muito a demanda, criando um enorme problema que era vendê-los. Mediante a esses problemas logo perceberam que a diminuição das vendas provocava a diminuição da produção, consequentemente isso se refletia nos números da economia. Portanto cada vez mais a importância das vendas na economia que geram um número considerável de empregos em toda a sociedade.
– Uma organização individual: Quando uma empresa valoriza o gerenciamento de marketing, a atenção dos executivos é dedicada ao planejamento de vendas e de marketing. Essa intenção pode ser bem formulada, mas normalmente a força de vendas externas deve se encarregar da execução do plano de vendas. Nenhum plano será útil se não for implementado adequadamente. Se as pessoas não puderem vender com sucesso porque foram mal selecionadas, mal treinadas ou mal remuneradas, os esforços dedicados ao planejamento de vendas serão de pouco valor. As únicas exceções são praticamente as empresas que não dependem de suas próprias forças de vendas. Em lugar delas, essas empresas utilizam principalmente propaganda ou agentes intermediários, como corretores ou agentes do fabricante, para movimentar os produtos. Como a força de vendas é essencial para o sucesso de um empreendimento de marketing, um gerenciamento eficiente desses representantes reveste-se de grande importância.
– Para o estudante: O principal motivo para se estudar e compreender a força de vendas, envolve as ambições profissionais. Existem mais empregos disponíveis em vendas do que em qualquer outra ocupação profissional. Em conseqüência, existem muitos empregos em administração de vendas no mundo de hoje. Uma empresa com uma força de vendas de médio ou grande porte tem muitos cargos para executivos de vendas (supervisores de vendas, líderes de equipes de vendas, gerentes distritais de vendas e gerentes regionais de vendas), mas apenas alguns executivos da área de finanças, produção, pessoal, propaganda e pesquisa de marketing. E a remuneração costuma ser muito mais elevada para os cargos de administração de vendas.

Referências Bibliográficas:

GOBE, Antonio C. et al. Administração de vendas. Barra Funda: Saraiva, 2005.
LAS CASAS, Alexandre L. Administração de vendas. 4.ed.São Paulo: Atlas, 1998.
KOTLER, Philip. Introdução ao marketing. 4. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2000.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *